segunda-feira, 8 de maio de 2017

GUILHERME ALVES NA FERROVIÁRIA: 81 JOGOS, 9 GOLS


(Ex-meia fala de seu tempo como atleta da Ferroviária de Araraquara)




Nome: Guilherme Peixoto Alves Ferreira
Nascimento: 6 de fevereiro de 1988
Local: Araraquara (SP) 
Período na Ferroviária: Nas categorias de base, desde os 11 anos; no profissional, de 2007 a 2011

Guilherme Alves 

A pedido de “Ferroviária em Campo”, Guilherme Alves fez uma retrospectiva de sua carreira como futebolista:
    
Em 1999 entrei para as categorias de base da AFE e fui até 16 anos, em 2002... 2003 a AFE estava quase encerrando as categorias de base pela situação do clube. 
Em 2004 fui para o sub-17 do Palmeiras e ali fiquei por um ano e meio. 
Retornei no meio de 2005. Joguei um sub-17.
Em 2006 fomos terceiros colocados no Paulista sub-20. 
Fiz uma ótima Taça São Paulo de 2007, ano que enfrentamos o Santos de Tiago Luís, Carleto, Hudson, Ganso, Anderson Sales, etc. 
Subi para o profissional. 
Joguei a A3 em 2007 (acesso), a A2 em 2008. 
Saí em 2009 para o América de Rio Preto, tive lesão na coluna. 
Retornei em 2010, joguei mais uma A3 (acesso).
Saí para o Bragantino, mas retornei para a Copa Paulista de 2010, onde joguei de centroavante. 
Em 2011, mais uma série A2.
Segundo semestre em 2011 fui em busca da minha cidadania europeia e tentar jogar na Itália, mas me faltaram contatos para arrumar um clube. 
Vim embora e resolvi parar com o futebol.

 Jogo do acesso de 2010 em.Piracicaba: Em pé: Amarildo, Guilherme Alves, Andresão, Assis , Rodrigo César, Roberto , Raul (preparador físico) e Narciso (preparador de goleiros). Agachados: Rodrigo Sales, Leandro Miranda , Paulo Henrique, Danilo Martins e Julio César.

“Ferroviária em Campo”: Depois de parar como atleta, você continua atuando no meio futebolístico? 
    
Guilherme Alves: Me formei em Administração de Empresas. Administro as empresas da família e agenciando atletas. 

“Ferroviária em Campo”: O fato de ser filho do presidente da Ferroviária, de alguma forma o atrapalhou? Prejudicou a sua carreira? (Lembrando que Guilherme é filho do Doutor Welson Alves Ferreira Júnior, o Juninho, que foi presidente da Ferroviária por muitos anos, até o advento de Carlos Alberto Salmazo, dirigente máximo grená a partir de 2015.)
   
Guilherme Alves: Prejudicou totalmente. A torcida pegava demais no meu pé. Muitas vezes fui injustiçado, principalmente por torcida e imprensa. Mas os companheiros e treinadores sabiam das minhas qualidades e sempre contavam comigo. Infelizmente quando saí para outros clubes, sofri com as lesões. Me faltou também uma empresa, um agente que me colocasse em melhores oportunidades. 

Ferroviária x Francana Copa Paulista de 2010


INFORMAÇÕES LEVANTADAS JUNTO AO ACERVO DE “FERROVIÁRIA EM CAMPO’ A RESPEITO DE GUILHERME ALVES
    
Estreia no profissional: 
   
Dia 14 de março de 2007, na Fonte Luminosa, Ferroviária 3 x 0 Francana, pelo Campeonato Paulista da série A3. Guilherme Alves entrou durante a partida, em substituição a Leandro Mineiro.
Em 2007, o meia participou do jogo amistoso contra o Corinthians B (Ferroviária, 3 a 0), por ocasião da inauguração do busto de Olivério Bazani Filho na entrada do estádio da Fonte Luminosa.
Ainda em 2007, Guilherme Alves atuou em 10 jogos da Copa FPF e em três jogos do Campeonato Paulista da A3.
Nesse primeiro ano como profissional, realizou um total de 14 jogos no time principal afeano, assinalando dois tentos.

O primeiro gol marcado por Guilherme Alves no time principal da Ferroviária: 
    
Aconteceu no dia 4 de agosto de 2007, pela Copa FPF, no jogo União São João 2 x 1 Ferroviária.
Em 2008, Guilherme jogou cinco vezes pelo Campeonato Paulista da A2 e mais sete pela Copa Paulista. Marcou um gol.
Em 2009, o meia afeano realizou 11 partidas, todas pela Copa Paulista, marcando um gol.
Em 2010, Guilherme Alves teve a sua melhor performance com a camisa grená de Araraquara, mantendo maior efetividade no time titular e marcando três gols. Foram 21 presenças no Campeonato Paulista da série A3 e mais 10 na Copa Paulista, além de um amistoso em Minas Gerais. Total de 32 jogos e autoria de três tentos.
Finalmente, em 2011, Guilherme esteve integrado ao elenco de profissionais da Ferroviária somente nos primeiros meses, participando do Campeonato Paulista da A2, marcando presença em 12 jogos e anotando dois gols. 

O último jogo de Guilherme Alves com a jaqueta grená:
    
Foi no dia 27 de março de 2011, em Sertãozinho, quando a Ferroviária goleou o Sertãozinho por 5 a 0, pelo Paulista da A2. O primeiro gol afeano foi de sua autoria, aos 22 minutos do primeiro período. Nessa sua despedida da Ferroviária, Guilherme Alves jogou o tempo todo.

 Copa Paulista de 2010 - Ferroviária 1 x 0 Oeste (Gol de Guilherme Alves)

RESUMO
    
Com alguns intervalos, representados por saídas para outros clubes, Guilherme Alves jogou pelo time de profissionais da Ferroviária de 2007 a 2011, realizando um total de 81 partidas e marcando nove gols. Subiu duas vezes com o time, da A3 para a A2, em 2007 e 2010.
    
Em 12 anos, de 1999 a 2011, o aplicado meia prestou serviços como atleta da Ferroviária de Araraquara, deixando nos anais do clube o registro de sua presença.
   
“Ferroviária em Campo” felicita o correto profissional. 

Copa Paulista de 2010 Goleada sobre o São Carlos (gol e assistência de Guilherme Alves)

Ferroviária 4  x 0 Penapolense - Série A3 de 2010

Ferroviária 3  x 4 Rio Preto Série A 2 de 2011

Guilherme Alves (2011)

Fontes:
- Informações prestadas por Guilherme Alves
- Acervo de “Ferroviária em Campo”
Fotos gentilmente cedidas pelo ex-meia afeano
Foto de Abertura: Estadão (Guilherme Alves, da Ferroviária, tenta impedir lançamento para o ataque do Botafogo-SP, que venceu por 1 a 0 em Ribeirão Preto (SP) pela Copa Paulista. 25/10/2009)

Entrevista, pesquisa, elaboração e edição:
Vicente Henrique Baroffaldi e Paulo Luís Micali 

Nenhum comentário:

Postar um comentário