quarta-feira, 26 de abril de 2017

FERROVIÁRIA NA FONTE – ANO XXIII (1973)


Ferroviária 0 x 1 Guarani – 28.03.73 – Amistoso (Despedida de Bazani)
Em pé: Sérgio, Batalhão, Muri, Ticão, Fernando e Zé Carlos.
Agachados: Tonho, Mário Augusto, João Marques, Bazani e Guará
Elevado número de jogos da Ferroviária na Fonte Luminosa marcou o ano de 1973.
Foram 31 partidas e o time de Araraquara venceu 15, empatou 8 e perdeu 8. Anotou 33 tentos e sofreu 22. 
A Locomotiva permaneceu invicta nos 11 jogos disputados pelo Paulistinha, torneio classificatório para o Paulistão. Ganhou 7 e empatou 4.
Os grenás chegaram à Semifinal da Taça São Paulo, promovida pela Federação Paulista de Futebol. Pararam na lusa do Canindé, mas desenvolveram boa campanha.
A AFE foi mal no Paulistão, perdendo os cinco primeiros jogos que disputou na Fonte Luminosa. Nos seis jogos restantes, no mesmo local, não perdeu mais (3 vitórias e 3 empates).
Contra os chamados grandes, a Ferroviária levou a melhor sobre o São Paulo, com gol de Coquinho. Empatou com Santos e Portuguesa (no Paulista). Perdeu para Corinthians e Palmeiras, pelo Paulistão, e para a Portuguesa, pela Taça SP.
Nicanor foi o destacado artilheiro afeano na Fonte Luminosa, em 1973, marcando 10 gols. João Marques, procedente da Portuguesa Santista, assinalou seis tentos e foi o segundo melhor colocado na artilheira grená. 

Em pé: Sergio Bergantin, Batalhão, Ademir, Mariani, Fernando e Zé Carlos.
Agachados: Reinaldo, Mário Augusto. Coquinho, Muri e Wagner.

OS 31 JOGOS DA FERROVIÁRIA NA FONTE (1973)
    
Nº de ordem – Jogo – Data – Competição – Autores dos gols da Ferroviária 
1 – Ferroviária 0 x 0 Noroeste – 28.01.73 – Torneio Laudo Natel 
2 – Ferroviária 3 x 1 Comercial – 08.02.73 – Amistoso – Reinaldo e João Marques (2) 
3 – Ferroviária 1 x 0 Portuguesa Santista – 17.02.73 – Amistoso – João Marques 
4 – Ferroviária 0 x 1 Ponte Preta – 21.02.73 – Amistoso 
5 – Ferroviária 0 x 1 Ponte Preta – 18.03.73 – Campeonato Paulista 
6 – Ferroviária 0 x 1 Guarani – 28.03.73 – Amistoso (Despedida de Bazani) 
7 – Ferroviária 0 x 1 Guarani – 15.04.73 – Campeonato Paulista 
8 – Ferroviária 0 x 2 Corinthians – 06.05.73 – Campeonato Paulista 
9 – Ferroviária 2 x 4 Palmeiras – 13.05.73 – Campeonato Paulista – João Marques e Reinaldo 
10 – Ferroviária 0 x 1 América – 20.05.73 – Campeonato Paulista 
11 – Ferroviária 3 x 1 América – 30.05.73 – Taça São Paulo – Nicanor, João Marques e Wagner 
12 – Ferroviária 1 x 0 Botafogo – 02.06.73 – Taça São Paulo – Nicanor 
13 – Ferroviária 2 x 1 Comercial – 10.06.73 – Taça São Paulo – Wagner e João Marques 
14 – Ferroviária 0 x 1 Portuguesa – 24.06.73 – Taça São Paulo (Semifinal) 
15 – Ferroviária 1 x 1 Botafogo – 22.07.73 – Campeonato Paulista – Mário Augusto 
16 – Ferroviária 0 x 0 Portuguesa – 05.08.73 – Campeonato Paulista 
17 – Ferroviária 1 x 0 Juventus – 08.08.73 – Campeonato Paulista – Ademir 
18 – Ferroviária 1 x 0 São Paulo – 15.08.73 – Campeonato Paulista – Coquinho 
19 – Ferroviária 1 x 0 São Bento – 19.08.73 – Campeonato Paulista – Mário Augusto 
20 – Ferroviária 1 x 1 Santos – 22.08.73 – Campeonato Paulista – Wagner 
21 – Ferroviária 2 x 1 Paulista – 29.08.73 – Paulistinha – Nicanor (2) 
22 – Ferroviária 2 x 0 Portuguesa Santista – 09.09.73 – Paulistinha – Nicanor (2) 
23 – Ferroviária 1 x 1 Rio Preto – 19.09.73 – Paulistinha – Nicanor 
24 – Ferroviária 1 x 1 Comercial – 23.09.73 – Paulistinha – Ademir 
25 – Ferroviária 1 x 0 São Bento – 14.10.73 – Paulistinha – Muri 
26 – Ferroviária 1 x 0 Botafogo – 28.10.73 – Paulistinha – Laerte 
27 – Ferroviária 4 x 1 Nacional – 11.11.73 – Paulistinha – Ademir (pênalti), Oberdan (contra), Wagner e Laerte 
28 – Ferroviária 3 x 1 Ponte Preta – 25.11.73 – Paulistinha – Nicanor (3) 
29 – Ferroviária 1 x 0 Saad – 28.11.73 – Paulistinha – Ademir (pênalti) 
30 – Ferroviária 0 x 0 América – 02.12.73 – Paulistinha 
31 – Ferroviária 0 x 0 Marília – 12.12.73 – Paulistinha 

Lance e Zé Luiz

ARTILHEIROS GRENÁS NA FONTE (1973)
 
       
1º - Nicanor, 10 

2º - João Marques, 6 

3º - Wagner e Ademir, 2 

5º - Laerte, Mário Augusto e Reinaldo, 2 

8º - Coquinho e Muri, 1 

(e mais 1 gol contra, de Oberdan, do Nacional) 

Em pé: Mariani, Lula, Ademir,  Carlos, Ticão, Zé carlos e Moacir.
Agachados: Tonho, zé Luiz, João Marques, Mário Augusto e Wagner

JOGARAM NA FERROVIÁRIA EM 1973
   
Sérgio Bergantin, Lula, Baiano, Mariani, Batalhão, Carlos, Fernando, Ticão, Ferreira, Zé Carlos, Sérgio Miranda, Tonho II, Muri, Ademir, Laerte, Mário Augusto, Tonho, Zé Luiz, Nicanor, Reinaldo, João Marques, Guará, Tite, Lincoln, Wagner, Coquinho, Wagner II, Fantini, Bazani 

RESUMO DOS JOGOS DA FERROVIÁRIA NA FONTE (1973) 
   


Fonte:
Acervo de “Ferroviária em Campo”
Fotos: Museu da Ferroviária

Pesquisa, elaboração e edição:
Vicente Henrique Baroffaldi e Paulo Luís Micali 

Um comentário:

  1. Carlos Beronha Duarte27 de abril de 2017 01:05

    Nesta ultima foto onde esta escrito Batalhão o correto é Carlos.

    ResponderExcluir