sexta-feira, 7 de agosto de 2015

LOCOMOTIVA E LUSA NA VIDA DELES




Com a expressiva colaboração de amigos internautas, seguimos elaborando trabalhos que mostram a presença de jogadores na Ferroviária e em outros grandes clubes. Agora, essa interação permite relacionar os atletas que defenderam duas camisas muito simpáticas ao público desportivo: Ferroviária e Portuguesa de Desportos.

Levantamos 35 nomes, dos quais apresentamos dados biográficos básicos de 28; dos 7 restantes ficamos devendo. Continuamos contando com o apoio dos nossos seguidores para mais colaborações.

Defenderam a Locomotiva de Araraquara e a Lusa do Canindé:


WILSON CARRASCO
Nome: José Wilson Carrasco
Nascimento: 04.02.1951
Cidade: Rincão (SP)
Posição: meia-esquerda

MARINHO RÃ
Nome: Mário Francisco dos Santos
Nascimento: 31.07.1964
Cidade: Santo André (SP)
Posição: atacante

FOGUEIRA
Nome: Wanderley Nonato
Nascimento: 11.04.1942
Cidade: São José do Rio Preto (SP)
Posição: lateral-esquerdo

CABINHO
Nome: Evanildo Castro Silva
Nascimento: 28.04.1948
Cidade: Salvador (BA)
Posição: atacante

GÉRSON SODRÉ
Nome: Gérson José Sodré
Nascimento: 14.07.1957
Cidade: Itabuna (BA)
Posição: meia

TOQUINHO
Nome: Luiz Carlos Lombardi
Nascimento: 24.08.1957
Cidade: Rio Grande (RS)
Posição: atacante

RADAR
Nome: João Roberto Cavalcante
Nascimento: 27.01.1956
Cidade: Fernandópolis (SP)
Posição: atacante

FABRÍCIO CARVALHO
Nome: Fabrício de Carvalho Silva
Nascimento: 18.02.1978
Cidade: Andradina (SP)
Posição: centroavante

ADIL
Nome: Adil Pimenta de Souza Júnior
Nascimento: 23.07.1965
Cidade: São João Nepomuceno (MG)
Posição: ponta-esquerda

ACLEISSON
Nome: Acleisson Scaion
Nascimento: 21.05.1982
Cidade: Ribeirão Preto (SP)
Posição: meia (volante)

JONES
Nome: Jones Roberto Minosso
Nascimento: 12.08.1960
Cidade: Getúlio Vargas (RS)
Posição: centroavante

ADEMIR
Nome: Ademir Antônio Chiarotti
Nascimento: 20.07.1948
Cidade: Piracicaba (SP)
Posição: meia-armador

LULA
Nome: Elso Dameto Felipe
Nascimento: 03.04.1954
Cidade:  (?)
Posição: goleiro

MILTON JÚNIOR
Nome: Milton Batista Vieira Júnior
Nascimento: 07.03.1991
Cidade: Nova Andradina (MS)
Posição: meia

BRUNO MORAES
Nome: Bruno Eduardo Moraes
Nascimento: 12.01.1989
Cidade: Bragança Paulista (SP)
Posição: atacante

AMARAL
Nome: Sílvio dos Santos Amaral (ou Antônio Afonso de Amaral)
Nascimento:  (?)
Cidade: São Paulo (SP)
Posição: ponta-direita

ERNANI BANANA
Nome: Ernani José Rodrigues
Nascimento: 11.06.1957
Cidade: Araguari (MG)
Posição: meia (meia ofensivo)/atacante

PAULINHO GOIANO
Nome: Aristolino Paulo Coutinho
Nascimento: 18.07.1970
Cidade: Goiânia (?) (GO)
Posição: lateral-direito

ZÉ LOVE
Nome: José Eduardo Bischofe de Almeida
Nascimento: 29.10.1987
Cidade: Promissão (SP)
Posição: atacante

FRANCISCO ALEX
Nome: Francisco Alex Souza da Silva
Nascimento: 23.12.1983
Cidade: Vitorino Freire (MA)
Posição: médio-ofensivo

AROUCA
Nome: Humberto da Silva Frias
Nascimento: 29.03.1952
Cidade: Cotimos (Portugal)
Posição: zagueiro

NENÊ GUANXUMA
Nome: Éderson José Martins
Nascimento: 09.10.1952
Cidade: Botucatu (SP)
Posição: atacante

SANTO CRISTO
Nome: Walter Goulart da Silveira
Nascimento: 12.09.1922
Cidade: Rio de Janeiro (RJ)
Posição: ponta-direita

WALTER ZUM-ZUM
Nome: Walter Anunciação Alves
Nascimento: 15.08.1946
Cidade: Ponte Nova (MG)
Posição: ponta-direita

LEANDRO BANANA
Nome: Leandro Marcos Pereira
Nascimento: 13.05.1991
Cidade: Araçatuba (SP)
Posição: atacante

ZÉ AMARO
Nome: Aristides Bernardes
Nascimento: 02.06.1927
Cidade: Campinas (SP)
Posição: meia

MARCOS AURÉLIO
Nome: Marco Aurélio Fernandes da Silva
Nascimento: 23.09.1977
Cidade: Franca (SP)
Posição: zagueiro


JOÃO BATISTA
Nome: João Batista da Silva Pereira
Nascimento: 28.12.1966
Cidade: Terra Rica (PR)
Posição: Meio-campo


E por fim, mais sete jogadores que defenderam AFE e Lusa, dos quais não conseguimos os dados biográficos:

ÊNIO (goleiro)
MARINHO (lateral)
CARLINHOS (ponta-esquerda)
PAULO SÉRGIO (goleiro)
BISPO (ponta-esquerda)
TIM MOURA (zagueiro)
ICA (meia)



FONTES:
- Wikipédia
- Terceiro Tempo (Milton Neves)
- ogol.com.br
- internautas colaboradores
- acervo pessoal

Fotos: Internet


Pesquisa, elaboração e edição: Vicente Henrique Baroffaldi e Paulo Luís Micali

domingo, 2 de agosto de 2015

GUERREIRAS PERDEM VÁRIAS CHANCES E CONHECEM DERROTA NA ARENA






No começo do jogo contra o São José, o time feminino da Ferroviária sofreu um gol de bola parada. A goleira saltou mas não conseguiu evitar o ingresso do esférico em seu arco.





Depois disso, embora se lançasse à frente determinado a descontar, o quadro de Léo Mendes não se organizou bem em campo. Mostrou desacerto e errou muito nos passes. Quando finalizou, e foram algumas oportunidades criadas, foi infeliz nos arremates. A bola insistiu em passar perto das traves joseenses.




A derrota foi muito sentida porque o São José não mostrou uma superioridade que o credenciasse a sair de campo com a vitória, mas foi o que acabou acontecendo.





Agora, as coisas se complicaram bastante para as Guerreiras, que terão de ganhar em São José dos Campos por diferença de dois gols, o que, convenhamos, é uma tarefa das mais ingratas.





Elaboração, edição e fotos: Vicente Henrique Baroffaldi e Paulo Luís Micali  

SUB-17 NÃO RESISTIU AO FORTE RED BULL





O Red Bull começou cadenciado, estudando o time da Ferroviária. O jogo estava bom, com troca de passes eficiente mas sem lances contundentes. Até que, de repente, o Red Bull começou a ditar as regras do jogo. Com muita facilidade penetrou com troca de passes e finalizou inapelavelmente. Com a abertura do placar, o time de Campinas passou a impor-se em campo, mostrando uma superioridade indiscutível. Muito bem dirigido por um técnico que o tempo todo orientou o time, exibindo competência, o Red Bull mostrou que pode ser um dos ponteiros deste Campeonato Paulista Sub-17.




À Ferroviária restou aplicar-se muito para evitar uma goleada mais dilatada. Os 4 a 0, porém, foram merecidos.





No próximo sábado, o time de Rogério Cuniyochi vai a Campinas enfrentar o Guarani. Outro embate dos mais difíceis.




Elaboração, edição e fotos: Vicente Henrique Baroffaldi e Paulo Luís Micali  

ATÉ QUE O SUB-15 COMEÇOU BEM...





Antes de fazer 1 a 0 aos 9 minutos do primeiro tempo, o sub-15 da Ferroviária já criara chances de gol. Entrou com tudo o time de Edmilson Feliciano... até que, já no segundo período, um lance que nos pareceu irregular, com a bola tocando na mão de um atacante do Penapolense e sobrando para outro, gerando sufoco para os grenás, que mandaram para escanteio, o tiro esquinado foi cobrado e o quadro visitante empatou, de cabeça. De tal forma o gol perturbou os jovens afeanos, que o Penapolense disso se aproveitou e logo em seguida fazia o segundo tento, virando o placar. Embora procurasse reagir, e encetasse alguns ataques com reais chances de consumação de gols, a verdade é que o time não se encontrou. Pecou nas finalizações, embora demonstrando muita luta.






Após o jogo, o técnico Edmilson, inconformado, reclamou bastante junto ao árbitro. Pareceu-nos, até, que Sua Senhoria mostrava uma certa aparência de alguém que sentia ter errado.





Enfim, o placar foi adverso e agora os garotos terão de enfrentar uma pedreira daquelas, indo à capital para jogar contra o poderoso Corinthians.






Elaboração, edição e fotos: Vicente Henrique Baroffaldi e Paulo Luís Micali