domingo, 15 de fevereiro de 2015

A QUARTA VITÓRIA DA FERROVIÁRIA NO CAMPEONATO PAULISTA FOI A MENOS DIFÍCIL


(Comercial 0 x 2 Ferroviária)




Os primeiros minutos de Comercial x Ferroviária ditaram a sorte do espetáculo. Com cinco minutos de jogo, o goleiro Pablo cometeu falta fora da grande área. Sendo o último homem do time, o guardião comercialino foi expulso de campo. Alcides cobrou com perfeição e movimentou o placar: 1 a 0 para a Ferroviária.




O técnico Play Freitas tirou o atacante Leandrinho para colocar o goleiro Marcelo. Com 10 em campo, ficando com um único atacante, já avançado em idade (35 anos), e sob um sol escaldante, o Leão do Norte não levou quase nenhum perigo à meta de Rodolfo, que, a rigor, fez apenas uma intervenção de vulto, desviando para escanteio uma bola que se encaminhava para o seu ângulo alto; uma defesa difícil porque o goleiro estava adiantado.




A retaguarda afeana, bem postada, conjurava o perigo com muita competência. A consumação da vitória se deu logo aos 13 minutos da fase complementar, quando Thiago Adan, já dentro da área, fulminou no canto, mostrando tranquilidade para finalizar.




Com um a menos e dois gols de desvantagem, o onze alvinegro não encontrou forças para uma reação. Aliás, o Comercial mostrou fragilidade, principalmente na defesa. Um time que precisa evoluir para não correr risco de queda para a A3.




A Ferroviária segue tendo um início de campeonato acima da expectativa, muito determinada e convicta. É bem verdade que teve, no sábado, a sua missão facilitada já no início da partida, mas soube aproveitar-se das circunstâncias,  que lhe permitiram chegar à quarta vitória consecutiva, em cinco jogos disputados. Como empatou na estreia, soma 13 pontos em 15 possíveis, o que é um feito fantástico para adquirir moral e seguir firme na luta pelo acesso.




Agora haverá um intervalo maior até a próxima partida, a se realizar sábado, na Arena Fonte Luminosa, a partir das 19 horas, contra o Galo do Japi, o Paulista de Jundiaí. Embora tenha começado mal, somando somente 4 pontos até aqui, o tricolor jundiaiense não pode ser subestimado. Levando o jogo a sério e atuando com a firmeza exibida nos 5 primeiros compromissos, a Locomotiva pode alcançar novo sucesso.





FICHA TÉCNICA

COMERCIAL 0 x 2 FERROVIÁRIA

Local: Estádio Francisco de Palma Travassos, em Ribeirão Preto;
Data/Horário: 14 de fevereiro de 2015, às 16 horas;
Arbitragem: Márcio Roberto Soares, auxiliado por Ademilson Lopes da Silva Filho e Fabricio Rafael Lima de Souza;
Cartões amarelos: Rodolfo, Paulo Henrique, Neguete, Fio, Jairo e Danilo Sacramento (Ferroviária); Assis e Levi (Comercial;
Cartão vermelho: Pablo (Comercial);
Gol: Alcides (7’ do 1º T) e Tiago Adan (12’ do 2º T) para a Ferroviária.

COMERCIAL - Pablo; Tiago Baiano (Flávio), Celso, Misael (Felipe) e Assis; Lucas Silva, Levi, Mateus Santos, Juninho; Marcinho Beija-Flor e Leandrinho (Marcelo). Técnico: Play Freitas.


FERROVIÁRIA - Rodolfo, Paulo Henrique, Neguete, Luan e Alcides (Renato Xavier); Renan (Fio), Milton Júnior, Jairo e Danilo Sacramento; Elder Santana (Bruno Moraes) e Thiago Adan. Técnico: Milton Mendes.

(Fonte: SimNews)


Fotos: Paulo Luís Micali
Edição: Paulo Luís Micali
Texto: Vicente Henrique Baroffaldi

Nenhum comentário:

Postar um comentário