quinta-feira, 3 de abril de 2014

ELE TEM A FERROVIÁRIA NO CURRÍCULO: RILDO FELICÍSSIMO


Rildo - Lancenet

Sim, agora deve estar, em consonância com o próprio nome (Rildo de Andrade Felicíssimo). Mas o atacante do Santos FC, vivendo a emoção de estar na iminência de conquistar o título de campeão paulista, teve momentos atribulados e de muita apreensão ao correr de sua trajetória no futebol.

Nascido em 20 de março de 1989, na capital paulista, Rildo foi  revelado pelo São Bernardo (SP), tendo atuado pelo Fernandópolis em 2009.

Rildo na Ferroviária - Ferroviária SA

 No ano seguinte, defendeu as cores grenás da Ferroviária de Araraquara, quando jamais conseguiu a titularidade. Quase sempre entrou em campo durante os jogos, e nunca assinalou um tento com a camisa da AFE.


Rildo no Vitória - http://www.bahianamidia.com.br/

Em 2011/12, Rildo foi para o Vitória (Bahia), onde um ato impensado quase comprometeu definitivamente a sua carreira. Em 30 de julho de 2011, ameaçou agredir, com um chute, o árbitro Cláudio Francisco Lima e Silva, após receber um cartão amarelo. Acabou sendo expulso, mas livrou-se de uma punição severa.

Rildo tenta acertar um chute no árbitro, enquanto é observado por Lucio Flavio (Foto: Agência Estado)

Em 2012, a Ponte Preta confiou no futebol de Rildo e levou para Campinas o jovem avante. Seu desempenho foi tão satisfatório que despertou o interesse do Santos, que o levou para o litoral em janeiro deste ano, por empréstimo.

Rildo: Apresentação na Ponte- globoesporte.com

No Santos, Rildo tem colocado em evidência o seu futebol voluntarioso, de muita raça e determinação. Sempre que entra, dá-se bem. E o jovem time do peixe desenvolve campanha de campeão, com um futebol rápido e envolvente. Assim, Rildo encontrou o caminho da realização no esporte que escolheu para praticar profissionalmente, mas a sua andança foi marcada por episódios complicados e difíceis, que poderiam ter ceifado a carreira que agora se mostra mais efetiva e com perspectivas as melhores, pois afinal de contas ele ainda é jovem (25 anos) e tem muito para conquistar.

Rildo no Santos - www.foxsports.com.br


Números de Rildo na Ferroviária


Em 2010, quando permaneceu o ano todo em Araraquara, Rildo não foi muito feliz, talvez até por estar  nos primeiros anos de profissionalismo, com 20/21 anos.

sempre-eterno.blogspot.com.br
No Campeonato Paulista da Série A3, Rildo ajudou a Ferrinha a se tornar vice-campeã e subir para a A2, embora na maioria dos jogos não começasse atuando. Dos 27 jogos da Ferroviária, ele atuou em 17, tendo entrado durante o desenvolvimento das porfias em 13 oportunidades. Somente quatro vezes começou jogando.

Já na Copa Paulista, no segundo semestre de 2010, Rildo apareceu muito pouco, amargando quase sempre a reserva. Dos 18 jogos da AFE na competição, ele atuou em apenas três, sempre entrando no transcorrer dos embates.

Resumindo, dos 47 jogos da Locomotiva em 2010, Rildo participou de 20, não assinalando nenhum gol.

Enfim, a presença de Rildo na Ferroviária não prenunciou uma carreira vitoriosa, mas pode-se atribuir tal fato pelo início de carreira. Amadurecendo para o futebol, o moço evoluiu, principalmente por meio da determinação, e foi encontrando o seu espaço, a ponto de chegar ao time mais vitorioso do Paulistão nos últimos anos.

Rildo está prestes a comemorar um título ambicionado pelos atletas em geral, e, ainda que sem brilho quando teve por endereço a Fonte Luminosa, o referido atacante tem, em seu currículo, o nome da Ferroviária de Araraquara entre os clubes que defendeu.


Fontes:

- Wikipédia
- arquivo pessoal

Pesquisa, elaboração e edição: Vicente Henrique Baroffaldi e Paulo Luís Micali

Nenhum comentário:

Postar um comentário