sexta-feira, 5 de abril de 2013

ESSA FOI A FERRINHA


NÃO É MENTIRA!


SETE vitórias contra o Santos de PELÉ;


SÉTIMO lugar em número de vitórias contra o Rei;

SÉTIMO lugar em aproveitamento nos duelos contra o melhor atleta de futebol de todos os tempos.



(Ferroviária – a melhor equipe de nível médio nos confrontos com o Santos de PELÉ) 

Nenhum outro clube de porte médio ousou tanto contra o Rei do futebol. O Guarani foi quem mais se aproximou da Locomotiva, ganhando quatro vezes do Santos com Pelé. A Ferroviária somou sete vitórias. Mais do que ela, apenas Palmeiras, Portuguesa, São Paulo, Corinthians, Vasco e Botafogo.
Quanto a aproveitamento, o da Ferrinha também foi o sétimo melhor, superada somente por Cruzeiro, Grêmio, Vasco, Botafogo, Flamengo e Atlético-MG.
Portanto, seja em número de vitórias ou em aproveitamento, a AFE só não foi superior a alguns clubes de primeira grandeza do futebol brasileiro, quando se tratava de encarar o maior jogador de futebol que o mundo já viu.

Acervo do Museu da AFE

AS SETE VITÓRIAS DA AFE CONTRA PELÉ 

Primeira: Ferroviária 3 x 2 Santos
Data: 4 de agosto de 1957, domingo (tarde)
Local: Fonte Luminosa, em Araraquara
Finalidade: Campeonato Paulista/Turno Classificatório
Árbitro: Dino Passini
Renda: Cr$ 205.470,00Gols AFE: Cardoso, 19’/1º e 37’/1º; Bazani, 30’/2º
Gols Santos: Pagão, 40”/2º e Tite (pênalti), 43’/2º
AFE: Fia; Cardarelli e Antoninho; Dirceu, Rodrigues e Elcias; Nelinho, Esteves, Cardoso, Valter e Bazani
Santos: Manga; Fioti e Mourão; Feijó, Álvaro e Zito; Tite, Jair, Pagão, Pelé e Pepe
Preliminar: ADA 1 x 1 CAT (Taquaritinga), pela Segunda Divisão da FPF.
Ferroviária x Santos - Destaque na foto o ex-goleiro Toninho (AFE), em jogo contra o Santos de Pelé (Milton Neves - Variedades e Personalidades)
 

 Segunda: Ferroviária 2 x 1 Santos
Data: 9 de novembro de 1958, domingo (tarde)
Local: Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Finalidade: Campeonato Paulista/2º turno
Árbitro: Esteban Marino
Expulsão: Porunga
Renda: Cr$ 339.505,00
Gols AFE: Antoninho (pênalti) e Baiano
Gol Santos: Hélio (pênalti)
AFE: Rosan; Porunga e Antoninho; Dirceu, Rodrigues e Elcdias; Araraquara, Nivaldo, Baiano, Bazani e Walter
Santos: Manga; Getúlio e Dalmo; Fioti, Ramiro e Zito; Hélio, Jair, Pagão, Pelé e Pepe. Técnico: Lula
acervosantista.com.br
 Terceira: Ferroviária 4 x 0 Santos
Data: 4 de setembro de 1960, domingo (tarde)
Local: Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Finalidade: Campeonato Paulista/1º turno
Árbitro: Stefan Walter Glanz
Renda: Cr$ 837.890,00
Gols: Antoninho, Dalmo (contra), Baiano e Faustino
AFE: Fia; Zé Maria, Antoninho e Lucas; Dirceu e Rodrigues; Faustino, Dudu, Baiano, Bazani e Beni
Santos: Laércio; Getúlio, Mauro e Dalmo; Zito e Formiga; Dorval (Sormani), Ney (Dorval), Pagão (Ney), Pelé e Tite

 Quarta: Ferroviária 4 x 1 Santos
Data: 1 de setembro de 1963
Local: Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Finalidade: Campeonato Paulista/1º turno
Árbitro: Anacleto Pietrobon
Renda: Cr$ 2.278.800,00
Gols AFE: Lio, 41’/1º; Tales, 1’/2º; e Peixinho, 37’ e 43’ do 2º
Gol Santos: Pelé, 7’/1º
AFE: Toninho; Geraldo, Fogueira e Zé Maria; Dudu e Mário; Peixinho, Lio, Tales, Capitão e Ari. Técnico: Floreal Garro 
Santos: Gilmar; Dalmo, Joel Camargo e Geraldino; Zito e Calvet; Dorval, Lima, Coutinho, Pelé e Pepe
Maritaca e Pelé - Que fim levou?
Quinta: Ferroviária 2 x 1 Santos
Data: 11 de maio de 1969, domingo (tarde)
Local: Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Finalidade: Campeonato Paulista/2º turno
Árbitro: José Favilli Neto
Renda: NCr$ 30.387,00
Público: 7.820 pagantes
Gols AFE: Pio, 21’/1º e Valdir, 45’/1º
Gol Santos: Pelé, 19’/1º
AFE: Carlos Alberto; Baiano, Fernando (Beluomini), Rossi e Fogueira; Bebeto e Bazani; Valdir, Zé Luiz (Maritaca), Ismael e Pio. Técnico: Vail Mota
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Djalma Dias e Rildo; Clodoaldo e Joel; Manoel Maria (Patito), Toninho, Pelé (Abel) e Edu. Técnico: Antônio Fernandes (Antoninho)

 Sexta: Ferroviária 1 x 0 Santos
Data: 8 de julho de 1970, quarta-feira (noite)
Local: Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Finalidade: Campeonato Paulista/1º turno
Árbitro: Dulcídio Wanderley Boschillia
Renda: Cr$ 46.813,00 (com mais de 4.800 menores entrando de graça)
Gol: Cabinho, 7’/2º
AFE: Getúlio; Baiano, Fernando, Ticão e Fogueira; Bebeto e Bazani; Maritaca, Zé Luiz (Lance), Cabinho e Nei
Santos: Joel; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Djalma Dias e Turcão; Léo e Lima; Manoel Maria, Douglas (Abel), Pelé e Edu. Técnico: Antônio Fernandes (Antoninho)

Bazani e Pelé - ferroviariasa.com.br

Sétima: Ferroviária 4 x 1 Santos
Data: 7 de março de 1971, domingo (tarde)
Local: Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Finalidade: Campeonato Paulista/1º turno
Árbitro: José Favilli Neto
Renda: Cz$ 59.668,00 (recorde)
Público: 17.434, sendo 12.704 pagantes e 4.730 menores
Gols AFE: Lance, 18’/1º; Zé Luiz, 13’/2º; Bazani, 32’/2º; e Nei, 34’/2º
Gol Santos: Douglas, 40’/2º
AFE: Carlos Alberto; Baiano, Fernando, Ticão e Zé Carlos; Muri (Ademir) e Ademir (Bazani); Tonho, Zé Luiz (Nicanor), Lance e Nei. Técnico: Almeida
Santos: Cejas; Orlando, Paulo, Oberdan e Rildo; Clodoaldo (Lima) e Léo; Rogério, Ferreti, Pelé (Douglas) e Edu

 Fontes:

- PELÉ – O Supercampeão – Orlando Duarte – MAKRON Books do Brasil Editora Ltda. – 1993
- O Caminho da Bola – Rubens Ribeiro – Gráfica da FPF
- Tópicos do Passado da AFE – Prof. Antônio Jorge Moreira
- Arquivo pessoal
Pesquisa,elaboração e edição: Vicente Henrique Baroffaldi / Paulo Luís Micali

Nenhum comentário:

Postar um comentário